Windows 10 será gratuito

Microsoft afirma que Windows 10 será gratuito para usuários de antigas versões

No dia da apresentação oficial para o mundo do seu novo sistema operacional Windows 10, a empresa Microsoft acabou causando surpresa a boa parte do planeta com um anuncio inesperado. No evento realizado em São Francisco, nos Estados Unidos, a empresa de Bill Gates afirmou que no caso da atualização para o Windows 10 complementar gratuito não se limitaria apenas as pessoas que já utilizam o Windows 8.1, como era esperado, entretanto, essa condição de gratuidade também será oferecida para os usuários do Windows 7 e para quem é portador de celulares com adeptos ao Windows Phone 8.1.

Esse período sem condições de pagamento ocorrerá ao longo dos primeiros 12 meses de existência do novo sistema operacional da empresa, ou seja, até o dia 31 de dezembro de 2016. Desta forma, quando a atualização tenha sido feita dentro deste período estipulado, o suporte estará assegurado pelo tempo em que o novo sistema operacional funcionar, basicamente, uma licença vitalícia gratuita.

Microsoft pensa em mudar estratégia de ação

artigo9_01

De acordo com informações de profissionais da área de Tecnologia e Informação, o objetivo da empresa é que o Windows atue mais de acordo com um serviço e não se limite a ser apenas um sistema operacional, sendo assim, todos os usuários teriam permanentemente o modelo mais recente, a mesma tendência que é empregada com relação ao pacote Office 365.

Entretanto, isso não quer dizer que o Windows irá se transformar em uma espécie de produto que requer assinatura por uma determinada periodicidade, ao menos, não em um futuro próximo. Outro beneficio desta nova filosofia de ação da Microsoft é que, ao assegurar que grande parte dos usuários use a versão mais nova do seu sistema operacional, a empresa logo se transformará o trabalho dos desenvolvedores mais simples.

Ainda não existem maiores detalhes de como ocorrerá essa possibilidade de promoção e nem qual será o valor real do Windows 10 para as pessoas que não tiveram a possibilidade de aproveitar as condições dentro do prazo proposto na promoção.

Novo navegador é desenvolvido para acompanhar Windows 10

artigo9_02

A Microsoft já afirmou que o seu tradicional navegador Internet Explorer será “aposentado” com a chegada do Windows 10. A empresa pretende reformular completamente o navegador que surgiu em 1995, dando novo nome e identidade visual. Atualmente, essa reformulação tem recebido o nome de Projeto Spartan.

Por questão de compatibilidade, o Internet Explorer ainda estará presente no novo sistema operacional, contudo, o novo projeto deve ser a maneira mais usada para acessar a rede mundial de computador. Essa mudança não é tão inesperada, já que há alguns anos o Internet Explorer deixou de ser preferência entre os internautas e tem perdido adeptos para outros navegadores como o Google Chrome, Mozilla Firefox, Opera, dentre outras opções disponíveis.

Projeto Spartan é desenvolvido em parceria com outras empresas

Para criar o novo navegador, a Microsoft pediu ajuda a algumas empresa, dentre elas a Adobe. Os profissionais da Adobe estão auxiliando na criação da identidade visual do Projeto Spartan. E esse tipo de trabalho em conjunto seria praticamente impossível no Internet Explorer, já que o navegador não aceitava influência externa.

Adicionar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *