Problema no Google Chrome

Link corrompido causa travamento repentino em abas do navegador Google Chrome

Por alguma razão ainda desconhecida, um link determinado tem causado um grande incomodo aos internautas que utilizam o navegador Google Chrome: inesperadamente, a aba do navegador simplesmente trava. E o mais grave dessa situação é que você nem tem a necessidade de clicar nele. Basta que uma página qualquer, como a de uma rede social, do seu site oficial, um blog qualquer ou mesmo de um portal de notícias contenha esse certo link, conforme notícia veiculada no site Olhar Digital.

artigo11_01

A falha tem ocorrido em todas as versões do navegador até o Chrome 41, a última versão estável divulgada pelo Google. Se você tem essa edição do navegador, pode fazer o teste para ver se consegue acessar o link. Mas, fique atento para o detalhe: esse erro, até o momento, é inofensivo.

Consequências desta falha no Google Chrome

Entretanto, esse problema continua ocorrendo e, caso, você ainda não tenha notando a seriedade disso, compreenda que diversas páginas podem não ser carregadas para os usuários do Chrome em função deste problema. Já no fórum Reddit, onde um usuário divulgou o problema, quem faz uso do navegador do Google não está podendo acessar a postagem. Além disso, o efeito se espalha de maneira simples, já que para ocasionar essa falha, basta publicar o link em outros sites, que esses locais também começam a mostrar mensagens de erro.

Explicação para o travamento do navegador

Ao que tudo indica, o Chrome começa a travar com URLs cumpridas e malformadas e só volta ao normal, no momento em que você acessa algum servidor web, o que quer dizer que não existe nenhuma complicação ao tentar acessar arquivos locais. Essencialmente, o navegador acaba com a memória para esta determinada aba, o que pode acabar desencadeada o travamento.

Sistemas operacionais atingidos e como evitar a falha

Esse problema está atrapalhando os sistemas operacionais Windows, o Mac OS, o Chrome OS e ainda algumas variações do Linux. Mas, aparentemente, o uso do protocolo seguro: HTTPS acaba definitivamente com o risco do seu navegador, eventualmente, sofrer com essa falha.

Problema corrigido em navegador base do Chrome: próximas versões não devem mais apresentar a falha

artigo11_02

De acordo com reportagem publicada no site Olhar Digital, o problema foi repassado em março deste ano para as pessoas responsáveis pelo desenvolvimento do Chromium, o navegador de código aberto, navegador que serve de referencia para o Chrome.

Neste navegador base, a falha já foi identificada e corrigida, ao menos, é que indicam as últimas informações. Desta forma, é possível que as próximas edições do navegador do maior buscador do mundo não apresentem mais nenhum sinal deste problema. Até lá, você pode seguir o conselho concedido anteriormente: utilize o navegador com o protocolo seguro HTTPS e livre-se deste travamento indesejado.

2 Comentários

Adicionar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *